domingo, 30 de janeiro de 2011

Dicurso de Formatura

     Há muito tempo atrás, ainda quando crianças, muitas vezes nos perguntaram a respeito do que seríamos quando crescêssemos. Certamente, foi ouvido de nós, atados de insegurança e imaturidade, respostas diversas, entre astronautas e bailarinas e tantas outras respostas incertas, a única certeza que tínhamos é de que queríamos ser felizes. Com o passar do tempo fomos amadurecendo, tomando decisões importantes para realizações em nossa vida. Hoje nos tornamos Cirurgiões Dentistas, e não existem palavras melhores para descrever este momento, se não, felicidade, realização e gratidão.

     Somos gratos a Deus e a todos que contribuíram para que chegássemos até aqui: nossos familiares, em especial os nossos pais, nossos mestres, nossos pacientes e nossos amigos. Vocês que foram nossos alicerces na realização deste sonho.
     Ingressar na Universidade não foi tarefa fácil, foi preciso muito estudo, esforço e determinação. E nada disso mudou depois de universitários, foram 5 anos de muita luta! E mesmo sendo pioneiros na nova grade curricular, não deixamos de brigar pelos nossos direitos, exigindo sempre atenção para as nossas dificuldades.
     Tivemos obstáculos sim, mas com muita determinação, conseguimos superá-los e esculpir a nossa vitória! Passamos muitas noites acordados, estudando para provas, dando os últimos retoques em um trabalho ou ainda ansiosos pelos resultados. E não esqueceremos as lições passadas pelos nossos mestres e tantas outras lições que aprendemos, ajudando na formação do nosso caráter não apenas profissional.
     Na Universidade encontramos uma nova família, especialmente no nosso curso, quando temos um horário letivo quase que integral. Muitas vezes, depois de um dia inteiro no campus, voltamos para casa apenas para dormir.
     Quantos dias almoçamos juntos? E por vezes até café da manhã e jantar entravam na conta! E nesse ritmo, engordamos, emagrecemos, mudamos um pouco, ficamos mais bonitos, sorrisos metálicos ficaram para trás e belos sorrisos foram ressurgindo.
     Durante o curso, ganhamos verdadeiros irmãos. E eu que comecei o curso com dois irmãos na mesma turma, posso dizer que termino com um número bem maior de irmãos. E juntos nós rimos, nos divertimos, viajamos, nos apaixonamos, algumas vezes brigamos, mas também fizemos as pazes. Estudamos e aprendemos muito uns com os outros! Também passamos momentos tristes, e juntos, choramos a perda de dois colegas. Apertamos os nossos laços, e aos poucos fomos vencendo as barreiras das diferenças.
     Fomos atletas a cada Odontobol, mesmo com dores musculares no dia seguinte, nada melhor do que a comemoração de um gol. Fomos músicos, e com ou sem violões e pandeiros, compositores desta linda canção que é a nossa vida e colocamos uma melodia especial a cada momento que passamos juntos nestes 5 anos, e estes momentos foram inesquecíveis.
     Hoje, o momento tem uma melodia única, de muita alegria! Uma melodia que vibra a nossa vitória pela conclusão desta etapa tão importante, somos Cirurgiões Dentistas! Mas o sonho não acaba aqui! Como disse Marcelo Camelo: “... É preciso força pra sonhar e perceber que a estrada vai além do que se vê...”
     A nós, todo sucesso, felicidade e amor! E acrescento ainda as palavras do apóstolo Paulo na sua carta aos Coríntios: Eu poderia falar todas as línguas que são faladas na terra e até nos céus, mas, se não tivesse amor as minhas palavras seriam em vão. Portanto, agora, existem estas 3 coisas: a fé, a esperança e o amor. Porém a maior delas é o amor. E que Deus esteja sempre no controle de nossas vidas!

Carola Guimarães

2 comentários:

Maxmilla Barroso disse...

Quando eu era criança eu queria ser caroneiro. Uma pessoa com uma mochila nas costas pedindo carona pelo mundo. Hoje tô aqui em La Paz, Bolivia, amanha nao sei onde vou estar.
Bonito discurso, parabéns.

Menina bonita bordada de flor disse...

Lindo discurso QUERIDA !