sexta-feira, 24 de julho de 2009

Man-ely

Por que essa soma de dois
Tem um resultado singular,
Quando antes eram dois,
Agora, apenas um coração há.

Em força dupla, pulsa um só coração.
Que cada momento lhes sejam único,
Que a vida lhes seja repleta de emoção
E que Deus abençoe muito essa união!

É como em uma ligação covalente...
Onde os átomos se unem fortemente.
São então os átomos que tem essa tendência:
Compartilhar elétrons da camada de valência.

Um para estabilizar ao outro,
Ficando perto um do outro...
Pra formar uma coisa só,
Uma molécula em um nó.

E cada passo com cuidado, administração.
Um mostrando para o outro a certa direção.

Antes: Manoel e Daniely.
Que o amor lhes revele...
Que se perca em limites
Onde começa o “Man”,
Onde termina o “Ely”.

Carola Guimarães

* Felicidades ao casal! (:

2 comentários:

Ana disse...

Essa união é tão gostosa, sensação de proteção, de braços sempre te abraçando.

União descrita de forma belíssima, desejo ao casal muita felicidade também e que junto com ela, veia milhões de coisas boas mais.

Beijos Flor.

Lucas Vallim disse...

Estava com saudades daqui! Andei meio sem temo, mas consgui passar aqui e ler tua poesia. Como sempre, linda.